domingo, 3 de junho de 2012

Como fazer o mundo melhor - Redação.

Como fazer o mundo melhor?

Dállet Isla: A ideia de transformar o mundo para torná-lo mais agradável de viver é bem simples porque, não todos, mas ainda há quem se conscientize sobre o pedido de ajuda do mesmo, sendo assim, têm-se muitas alternativas vindas de muitas partes, o único problema é colocá-las em prática, porque na teoria tudo é muito mais fácil, mas na prática pede-se a demonstração do seu valor e aprendizado. O certo é: “pensar globalmente e agir localmente”, porque são com mínimas ações que mais tardar se farão grandes mudanças. Tudo pode começar por coisas simplesinhas como: Respeitar a tudo e a todos, cumprindo nossos deveres e sendo cumprido os nossos direitos, economizar (água, energia, supérfluos, entre outros.), contribuir com a natureza (separar o lixo, não jogar o lixo nas ruas, procurar ensinar a outras pessoas.) e praticar a gentileza, porque hoje em dia não é comum para a população ser tratado com gentileza por qualquer pessoa que seja no seu dia-a-dia, por isso, comece mudando o mundo com isso: sendo gentil com as pessoas e mostrando-as o quanto a vida no mundo é bela e o quanto deve ser valorizada!

Fernanda Moraes: Para que o nosso mundo seja um lugar melhor, a atitude terá que partir de que cada indivíduo, tomando a consciência que todos nós somos iguais, seja qual for sua religião, nacionalidade, cor, classe social. Um bom começo de uma nova atitude seria o cessar das brigas entre times, as guerras entre países, a corrupção existente, a imoralidade nas ruas. Mesmo que tudo isso seja muito improvável de acontecer rapidamente, cada um deve tentar fazer o melhor pensando no futuro da humanidade, e observando que ao destruirmos o mundo, estaremos destruindo a nós mesmos.

Marina Monteiro: É bom fazermos uma reflexão de como poderíamos contribuir para um mundo melhor. É no ambiente familiar onde começa as etapas para a realização de fato. Uma boa Educação Doméstica ajuda muito nesse contexto. Respeitar os pais, ser solidário, obediente, buscar a união entre irmãos.
Pessoas de bem fazem sempre o que está o seu alcance. Pessoas preocupadas com o bem estar de todos pensam no coletivo, não ficam parados, elas fazem o que podem.
Precisamos ter consciência que o momento da sociedade como um todo fazer sua parte para ajudar a preservar o nosso planeta que pede socorro é agora.
A humanidade está destruindo o planeta, vamos cuidar das florestas parando de destruí-las, economizando água, não poluindo o meio ambiente. Lembre-se: A natureza pede atenção e cuidado!

Milton Araújo: Existe varias maneiras de você ajudar a mudar o mundo de uma boa forma, exemplos ser bem educado perto de outras pessoas, fazer a coleta seletiva entre outros meios. O mundo é a nossa casa então que tal você adoar algum meio de ajudar a mudar ele, sem ser por queimadas, poluições e etc.
Nós precisamos do mundo, então vamos ajudar o meio ambiente para um mundo melhor, sem poluições, devastações e etc. Se conscientize, ajude, recicle, não polua, assim eu você e todo mundo vive melhor.


Natália Monteiro: É fundamental saber lidar com as diferenças alheias, respeitar acima de tudo, deixar os estereótipos de lado e olhar para a humanidade sem distinções. Olhar para o outro como olhar a si mesmo, não como pessoas que possuam gostos musicais, estilos e condições financeiras semelhantes, mas como pessoas que vez ou outra cometem erros, tem dificuldades em determinadas coisas, precisam de ajuda, precisam ser respeitadas e assim vai. Buscar seu ideal de vida sem passar por cima dos outros, colocar em prática tudo aquilo que nós já sabemos que deve ser feito para salvar o meio ambiente, de tal forma, salvando as futuras gerações.

4 comentários:

  1. Este comentário foi removido por um administrador do blog.

    ResponderExcluir
  2. Queria realmente uma redação simples,sem muita formalidades..

    ResponderExcluir
  3. Bom alguém mi da uma dica de redação dissertativa falando da participação dos jovens para um futuro melhor

    ResponderExcluir
  4. "mi" não posso. Me dê uma dica... talvez

    ResponderExcluir